Celular roubou a Sena!? Não, roubou a cena!

Compartilhe o Post

Segue abaixo a pesquisa feita pela FEBRABAN, no que se refere ao serviço: Recebimento de Contas.

Os comentários são provenientes da matéria publicada pela FEBRABAN, que está disponível no link abaixo.

Mobile Banking, o mais novo dos canais, já em destaque. Saiba mais



Em 2015:

O Mobile Banking (Celulares) registrou 11,2 bilhões de transações bancárias, contra 4,7 bilhões em 2014. Um crescimento que salta aos olhos: 138%. Com isso, o Mobile Banking assumiu a posição de segundo canal preferido pelos brasileiros para transações bancárias. Isto retrata não apenas o crescimento de um novo canal, mas o início de uma nova forma de relacionamento entre os consumidores e suas instituições bancárias. O Internet Banking ficou em 1º lugar com 17,7 bilhões.

Os demais canais se colocam enfileirados logo depois – na ordem de preferência, de terceiro a sétimo lugar: ATM, Pontos de Venda no Comércio (POS), Agências, Correspondentes (Lotéricas+B.Postal: 6º lugar) e Contact Center. Todos eles, com exceção dos POS, registraram quedas no montante total de transações em 2015, comparado com os resultados do ano anterior.

 

Em 2016:

Pela 1ª vez, nestes últimos 6 anos, o celular ultrapassou o Internet Banking. Do total de transações bancárias (65,0 bilhões), o celular passou de 11,2 bilhões para 21,9 bilhões – aumento de 95,5% – enquanto que o Internet Banking diminuiu de 17,7 bilhões para 14,8 bilhões (16,4%)! O uso do Celular para estes fins aumentou 138% em 2015 e agora em 2016 aumentou mais 95% !!!
Veja o gráfico comparativo, clicando em: Comparativo

Há três matérias sobre o assunto, publicadas que apresentam dados e fazem comentários muito pertinentes. São elas:

(1) Valor Econômico
Matéria divulgada em 10/05/2017, por Gustavo Brigatto. Leia: Valor

(2) Globo
Matéria divulgada em 10/05/2017, por Darlan Alvarenga. Leia: Globo1

Outra matéria levanta questões sobre a diminuição de agências bancárias. Leia:  Globo2

(3) FEBRABAN
Pesquisa divulgada no portal da FEBRABAN. Leia: Pesquisa

 

Nossos comentários:

(1) O total movimentado no país, de 2014 para 2015, aumentou de 48 Bilhões para 53,9 Bilhões (12,3%)
(2) O Mobile Banking aumentou 138,3% em 2015 e mais 95,5% em 2016
(3) Nos últimos 3 anos, os Canais Tradicionais perderam 24,5% enquanto que os Canais Digitais ganharam 25,1% !!!
(4) Nota-se claramente um “avanço” dos Mobile Banking (Bancos Móveis)

Em vista do exposto, voltamos a insistir:
Mude seu foco, concentre-se na venda de Bilhetes, de Jogos, de Bolões CAIXA e, principalmente, em Jogos com Dezenas Combinadas! Isto é que dá dinheiro!!!

CRV Sistemas & Consultoria
(19) 32 51 55 00
WhatsApp:
(19) 9 91 22 33 36
(19) 9 81 41 23 71
www.crv.com.br
crv@crv.com.br
Usufrua dos nossos 36 anos de experiência em Loterias!

 

 

 


Compartilhe o Post

6 comments

    1. Caro Milton,
      a pesquisa feita pela FEBRABAN nos mostra claramente que cada vez mais as Lotéricas recebem menos contas (em quantidades relativas, não absolutas).
      O volume de Contas recebidas por qualquer uma das outras tecnologias está caindo, enquanto o uso do Celular para este fim está aumentando e bastante!
      O recebimento de contas pelas casas lotéricas não irá acabar, mas com certeza irá ano a ano diminuindo até se tornar insignificante.
      Contra dados não há argumentos.
      Um abraço

  1. As Lotéricas estão limitadas a receber boletos até $ 700,00 . Antes era até $1.000,00.
    Isso sem dúvida mostra num decrécimo, além de muitas empresas não enviarem os boletos aos clientes fazendo que o mesmo busque na internet.

    1. Jaor,

      sem dúvida contribui para uma redução nos Recebimentos de Conta. No entanto, nossa matéria tenta chamar a atenção para o fato de que os Contribuintes estão migrando para o Celular, ou seja, deixam de ir à Casa Lotérica para fazer o pagamento através do Celular. De 2011 a 2015 a pesquisa mostra exatamente isso: todos os meios utilizados para Pagamento de Contas têm sido menos usados, EXCETO o Celular que aumentou muito!
      Isto não será da noite para o dia, vai demorar … mas fica claro que diminuirá bastante!
      Um abraço

  2. Boa tarde, e o que vcs aconselham nós lotéricos a fazer, tendo uma visão mais a longo prazo, para reverter esta queda no recebimento de contas, para não afetar nosso faturamento? a Caixa tem algum plano para nos ajudar nesta questão ?

    1. Caro Ricardo,
      Infelizmente (ou felizmente?!?!) isto é irreversível! As tecnologias estão aí para transformar o mundo e não há como impedí-las.
      Voltemos, pois, a ser Lotéricos! Vamos vender Jogos … é isso mesmo Vender Jogos!
      Isto sim dá dinheiro: são 8,6% de Comissão contra 0,5% de Tarifação pelo Recebimento e Pagamento de Contas!!!
      Esta é a solução.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *